Arquivos dicas | Page 5 of 7 | O Mundo de Jess

Dicas para usar vestido no outono/inverno

08 abr 2015
a2b19f25ced5b995ae07dd15e9c51156
Minha estação favorita do ano chegou! Eu sempre fico mais empolgada em dias frios, e se tem uma coisa que eu amo fazer nessa época, é criar looks confortáveis e quentinhos. Se você acompanha a categoria look do dia aqui do blog, já deve ter percebido que minha peça de roupa favorita sem dúvidas são os vestidos! Por ter um guarda-roupa composto 90% com a peça, tenho que me adaptar a cada troca de estação. Na hora da compra, sempre escolho modelos verão, porque assim, consigo usar os meus vestidos durante o ano inteiro e não, eu não passo frio no inverno haha.
Para conseguir utilizar vestidos de verão durante o inverno, é preciso investir em alguns casacos, suéter, cardigãs, camisas e principalmente meia-calça, para manter as pernas sempre quentinhas. E com a chegada dos dias frios, acabei me empolgando para escrever esse post e compartilhar algumas inspirações de look para o Outono/Inverno, onde a peça chave é o vestido ❤

Vestido com sobretudo/trench coat

COMO-USAR-VESTIDO-COM-CASACO

 Keiko Lynn |  Rebecca |  Carrie

Vestido com jaqueta de couro

COMO-USAR-VESTIDO-COM-JAQUETA-DE-COURO

 Bonnie | Steffy | Rebecaa

Vestido com suéter

COMO-USAR-VESTIDO-COM-SUETER

Rebecca | Keiko Lynn | Tieka

Vestido com cardigã

COMO-USAR-VESTIDO-COM-CARDIGÃ

Keiko Lynn | Rebecca | Kaylah

Vestido com camisa

COMO-USAR-VESTIDO-COM-CAMISA

Steffy | Rebecca | Keiko Lynn 

Essas são minhas formas favoritas de usar vestido no outono, mas vale lembrar que não existe uma regra! O importante é se sentir bem, confortável e claro, quentinha hehe.

Quem aí também adora usar vestidos durante todo o ano? Se tiver alguma dica legal de formas de usar a peça, compartilhem nos comentários <3

xoxo

Como eu platinei meu cabelo sem descolorir

04 nov 2014
cabelo platinado - Jess Vieira

Quem me acompanha no instagram e facebook, já deve ter notado que troquei as cores do meu cabelo, né? Mas antes de falar sobre isso, quero contar como eu platinei meu cabelo sem descolorir, porque foi super fácil e acho que vale a dica.Quando eu disse ali no começo do post, que platinar o cabelo foi muito fácil, é porque meu cabelo já estava em um tom claro e também porque tenho muita sorte na hora de fazer certas mudanças capilares hehe.

Como já é de costume, vou recapitular um pouco o meu histórico de colorações para que vocês possam entender melhor.

Há algumas semanas eu percebi que o rosa do meu cabelo estava super desbotado e clarinho, mais ou menos nesse tom aqui e então pensei em fazer algumas mudanças. Como eu sempre fico em dúvida do que fazer, pedi ajuda e opiniões lá no instagram e twitter, e então, algumas leitoras sugeriram fazer algumas mechas de turquesa, e depois se eu gostasse, era só pintar ele por inteiro.
Acabei curtindo a ideia e parti pra mudança. Achei engraçado que o turquesa “apagou” ainda mais o rosa, e o resultado ficou um cabelo bem coloridinho, em tom pastel. Assim:

Tem mais fotos aqui.

Viram só como ele já estava bem clarinho? Apesar de ter curtido bastante essas cores, eu queria mesmo era pintar meu cabelo de turquesa, mas sabia que pra chegar ao tom que eu estava desejando, iria precisar clarear ainda mais os fios.

Como meu cabelo está passando por um processo de recuperação (cabelo nenhum aguenta tantas mudanças, por mais forte que o meu seja, não quero abusar das mudanças sem nem ao menos hidratar e nutrir bem ele), tentei encontrar uma forma de clarear os cabelos sem descolorir ou usar qualquer produto muito forte.

Depois de pesquisar um pouco sobre produtos e técnicas malucas, encontrei esse vídeo que mostra como desbotar o cabelo usando apenas vitamina C e shampoo anti resíduos. Parece louco, né? Mas não é que funcionou muito bem? Claro que essa técnica pode funcionar para algumas pessoas e para outras não, porque como eu sempre digo, cada cabelo é um cabelo.

Desbotando os fios com Vitamina C e Shampoo Anti resíduos

O que eu fiz, foi quebrar 5 pastilhas Cebion até elas virarem um pó, adicionar mais ou menos 50ml do Shampoo Detox da The Beauty Box e misturar tudo muito bem. A mistura fica esbranquiçada e com textura de clara em neve.

O próximo passo foi molhar bem os cabelos e aplicar a mistura massageando bastante. Após aplicar em todo o cabelo, deixei o produto agindo por mais ou menos 30 minutos, e durante esse tempo, fui massageando e espalhando a mistura pelos fios.

Por conter shampoo anti resíduos na mistura, o cabelo fica beeem ressecado, mas nada que não seja resolvido com uma ótima hidratação.

Meu cabelo desbotou super bem, mas infelizmente eu não tenho uma foto para comparar o antes e o depois. As mechas em rosa e azul ficaram bem apagadinhas, mas o restante do cabelo, ficou num tom loiro bem feio então o próximo passo foi matizar e tonalizar os fios.

Já contei em alguns posts aqui do blog como faço para matizar o cabelo, e é bem simples.

Para ler todos os posts com dicas sobre cabelos coloridos é só clicar aqui

 

Matizando os fios com violeta genciana

Em um pote, adicione mais ou menos 1 litro de água + 3 gotas de violeta genciana. A mistura fica com um tom de lilás bem suave e pronta para ser aplicada. Depois de lavar os cabelos normalmente, vá jogando a mistura sobre os fios, de forma uniforme e massageando bem. Fica mais fácil fazer isso com um espelho por perto, assim dá pra ver se o tom dos fios já está matizado.
Meu cabelo ficou com tom bem melhor, mas ainda não estava do jeito que eu queria. Então, o próximo passo foi tonalizar.

Tonalizando os fios com tintura profissional
Mesmo depois de ter pesquisando sobre bons tonalizantes, acabei escolhendo um produto bem aleatório na perfumaria, por indicação de uma das vendedoras. Enquanto a maioria dos tonalizantes custavam entre 17 e 24 reais o tubo, o meu escolhido custou apenas 8 reais hehe.
Trouxe pra casa dois tubos da tintura profissional Paris Color 12.89 + água oxigenada 30 vol. Beira Alta. Sei que muitas pessoas não curtem essa OX, mas ela sempre funcionou pra mim e por isso continuo utilizando.
Fiz a mistura seguindo as instruções da embalagem e comecei a aplicação no cabelo seco. No principio da mudança, estava em busca de um cabelo clarinho para poder pintar de turquesa, mas depois de ver algumas inspirações no pinterest, meu objetivo era um cabelo com raiz preta e comprimento platinado/cinza.
Minha raiz já estava bem grande, do jeitinho que eu queria, e o comprimento do cabelo estava no caminho certo para ficar platinado.
O meu único erro foi achar que se a tinta encostasse na raiz do meu cabelo, não iria acontecer nada demais e foi aí que eu me enganei haha. Quando eu vi que a raiz do meu cabelo começou a ficar cada vez mais clara, comecei a aplicar a tinta uniformemente, no comprimento e na raiz. Deixei a tintura agindo por mais ou menos 30 minutos e enxaguei normalmente.
O resultado ficou incrível e o meu cabelo estava super cinza -menos a raiz, que estava dourada como ouro haha. Olhem só como ele ficou clarinho e em tons de cinza:
No dia em que tonalizei o cabelo, percebi que ele ficou com um tom cinza bem forte, mas que mudou quando fiz chapinha. Ele ficou branco, mas com os tons de cinza bem fraquinhos. Após lavar os cabelos pela primeira vez, o cinza foi embora do cabelo e ele ficou assim, branquinho.
Agora que estou vendo as fotos e escrevendo esse post, bateu uma saudade do cabelo platinado. Como faz? haha
Eu gostei muito dele assim, e só não fiquei com os fios clarinhos por muito tempo por causa da raiz dourada que estava me incomodando bastante, e quando eu faço a raiz e não passo nenhuma cor sobre elas, eu fico muito, muito, mas muito esquisita haha. Assim que minha raiz estiver crescendo, pretendo voltar para o platinado ou cinza <3
Sei que esse post ficou enorme, mas fazer o quê, eu adoro falar sobre cabelos e compartilhar minhas experiências com vocês.
Se tiverem dúvidas sobre o meu processo, é só deixar um comentário. Não esqueçam que eu não consigo dizer se o que eu fiz vai funcionar pra vocês, ok?
xoxo

Como pintar o cabelo de lavanda e azul pastel

04 set 2014
Como pintar o cabelo de lavanda e azul pastel
Desde que eu colori todo o meu cabelo, tenho recebido muitos pedidos para falar mais sobre os produtos que usei para chegar no tom atual que estou usando: lavanda e azul pastel (algodão doce). Mais uma vez esse não será um passo a passo, mas caso vocês queiram, posso fotografar da próxima vez que eu for colorir as madeixas hehe.

Para conseguir essas cores foi super simples, mas tudo dependeu da descoloração. Deixei o meu cabelo o mais claro possível – quase branco. Temos que pensar em nossos cabelos como uma folha de papel -bom, pelo menos eu penso assim e me ajudou muito no começo.

Parece bobagem mas eu explico: qualquer cor de tinta que você colocar sobre um papel branco, resultará em uma cor final fiel a tinta, certo? Agora imagine pintar um papel amarelo com tinta azul, não há dúvidas que seu resultado final resultará em um tom esverdeado, bem diferente do tom de azul da sua tinta e com os cabelos não é diferente.Dificilmente você conseguirá um tom pastel bonito (e que desbote para um tom legal), se não estiver com os cabelos bem claros.

Mas não se preocupem, se o seu cabelo não aguenta muitas descolorações, você pode clarear ele usando produtos adequados como desamareladores e até mesmo violeta genciana. Esse processo pode ser um pouco mais demorado e cansativo, mas pode funcionar para algumas pessoas. Como eu sempre digo, o importante é testar e conhecer os seus cabelos.

Quando eu descolori meus cabelos (contei todo o processo aqui), ele ficou com mechas platinadas, brancas e algumas amarelas, por isso antes de tonalizar, eu matizei ele usando violeta genciana. Usei algumas gotas em um pote com água e joguei nos cabelos, simples assim. Depois disso meu cabelo ficou bem branquinho e com a maioria das mechas platinadas, ou seja, base ideal para um cabelo em tom de algodão doce hehe.
Não costumo usar tintas nos cabelos, por isso vou contar como fiz minhas misturinhas:

Mistura Lavanda:
Violeta genciana + creme para pentear Yamasterol. Não existem medidas exatas, eu sempre coloco primeiro o creme em um pote de plastico, e aos poucos vou adicionando a VG até obter o tom que eu quero. Ah, costumo sempre fazer pelo menos um ou dois tons mais escuros, porque os cabelos sempre desbotam bastante na primeira e segunda lavagem.
Violeta Genciana é encontra facilmente em farmácias e custa em média R$3,50. O creme para pentear Yamasterol é um dos mais baratinhos e meu favorito no mundo! Ele rende muito e deixa meu cabelo super hidratado, sério! Também custa em média R$3,50 e é facilmente encontrado em perfumarias e mercados.

Mistura azul pastel:
Anilina azul da Glitter + álcool + creme para pentear Yamasterol. A anilina que eu uso é própria para madeira, não é comestível e não estraga os cabelos (anilina comestível mofa os fios!), a quantidade de álcool necessária é apenas para diluir a anilina (mais ou menos uma colher de café).
Para essa mistura, também não existe uma medida exata: primeiro diluo a anilina em um recipiente, em um pote de plástico, coloco o creme e vou adicionando a anilina diluída aos poucos, até conseguir a cor que eu quero. Também faço um ou dois tons mais escuros.

O legal de ter cabelos coloridos, é que quanto mais misturadas as cores ficaram, melhor! Por isso não costumo dividir o meu cabelo de uma forma muito certa, sabe? Separo algumas mechas e começo a pintar.
Algumas cores podem se misturar e acabar se transformando em outra totalmente diferente e digo isso por experiência própria: eu já consegui manchar minhas mechas de preto, apenas misturando mal as cores, por isso tome cuidado.

Para ler todos os posts com dicas sobre cabelos coloridos é só clicar aqui

Dicas importantes para não manchar os cabelos durante e depois da coloração:

• Usar um par de luvas para cada cor de tinta.
• Sempre usar prendedores de cabelo e utensílios de plástico.
• Comece sempre aplicando a tinta mais clara primeiro, e caso você queira pintar como eu (meio a meio), use a tinta clara na parte de cima da cabeça, nesse caso comece com a lavanda.
• Prenda sempre as mechas separadamente.
• Tenha cuidado na primeira lavagem: sempre lave “as cores” separadamente, e dessa vez comece pelo tom mais escuro, nesse caso o azul.
• Só aplique o shampoo após retirar muito bem o excesso da tinta com água corrente.
• Caso seja necessário, lave os cabelos com shampoo duas vezes ou até que a água saia limpa, caso contrário, esteja preparado para ter uma vida colorida, literalmente haha

Infelizmente quando pintei meus cabelos, não fotografei o tom da tinta, mas acho que isso é muito pessoal e você pode dosar como preferir.
Se tudo der certo, irei colorir o meu cabelo ainda hoje, mas com uma cor diferente. Ainda estou em dúvidas do que fazer e aceito sugestões. Ah, se quiserem eu posso tentar fotografar o passo a passo, o que acham?

Tentei não escrever muito para não deixar o post gigante, mas como sempre, usem a área dos comentários para retirar qualquer dúvida, eu sempre vejo/respondo mais rápido por aqui, do que por mensagem e e-mail, ok?

Espero ter ajudado vocês com mais esse post <3
xoxo

Páginas1234567

© 2012 - 2015 - O Mundo de Jess - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

Todas as fotografias, textos e design são de propriedade exclusivas de Jess Vieira, exceto quando sinalizado.